segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Hoje, porém...

Hoje, porém, me sentia chata.
Hoje, porém, fui muito insensata.
Hoje, porém, chorei muito.
Hoje, porém, fiquei no relento.
Hoje, porém, esbanjei infantilidade.
Hoje, porém, espirrei inutilidade.
Hoje, porém, fui carente.
Hoje, porém, fui mais ainda é incoerente.
Hoje, porém, vivi o apego.
Hoje, porém, encarei o desapego.
Hoje, porém, tentei omitir a realidade.
Hoje, porém, acabei abraçando a verdade.
Hoje, porém, tomei o caminho errado.
Hoje, porém, indaguei o destino a mim certificado.
Hoje, porém,senti muita dor.
Hoje, porém, me afundei no horror.
Hoje, porém, embacei a visão.
Hoje, porém, perdi a coesão.
Hoje, porém, o chá foi as 16 horas.
Hoje, porém, não houve floras.
Hoje, porém, a paz não me ouviu.
Hoje, porém, o laço me viu.
Hoje, porém, perdi a batalha.
Hoje, porém, não desisti da guerrilha.
Hoje, porém, fui insegura.
Hoje, porém, trabalhei a fartura.
Hoje, porém, ansiei pelo bem.
Hoje, porém, deveria parar de dizer porém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Yoo...